Novo filme

O filme “Noé”, do cineasta Daren Aronosfky, estreou nos cinemas dos Estados Unidos no último fim de semana, e chamou atenção da imprensa especializada por ocupar o topo da bilheteria no país.

Alvo de críticas por parte de alguns líderes evangélicos – devido às adaptações que o roteiro faz para que a curta história da construção da arca possa ser contada num filme de duas horas – o filme arrecadou mais de US$ 44 milhões apenas nos Estados Unidos, chegando a US$ 77,6 milhões se contabilizada a bilheteria nos demais países onde o filme já estreou.

O pastor e cantor mexicano Jesús Adrian Romero, radicado nos Estados Unidos, usou sua página no Facebook para comentar suas impressões sobre o filme e repudiar as críticas feitas ao longa-metragem estrelado por Russel Crowe.

“Ontem eu fui ver o filme ‘Noé’, e em seguida, deixei recomendações através de redes sociais. Alguns líderes que não entendem de cinema estão desencorajando as pessoas, dizendo para não irem ver o filme, argumentando que se afasta da narrativa bíblica… Sério? Assim como em ‘Noé’, todo filme precisa fugir um pouco da narrativa e incluir alguma ficção. A história bíblica de Noé está contida em apenas quatro folhas da Bíblia, o que é muito pouco material para fazer um roteiro de filme. Em compensação, uma série de livros que se tornaram roteiro de filme, quase nunca é seguida ao pé da letra”, comparou.

Para Romero, é preciso levar em consideração as questões que envolvem a produção de um filme, e a liberdade que todo artista tem para transmitir determinada mensagem ao seu modo, pois isso não significa necessariamente uma deturpação de princípios.

“Na arte há o que é conhecido como ‘licença poética e artística’, e esta é a liberdade que tem o produtor, ou compositor, ou poeta, para ficar longe de certas regras ou detalhes, a fim de melhor comunicar uma história. Acredito que aqueles que estão proibindo o filme não entendem que o cinema é arte. Estamos muito acostumados a encontrar o erro e o diabo em tudo, e dificilmente encontrar Deus. Sem entrar em detalhes, para não contar o filme, houve momentos em que eu estava profundamente tocado pela mensagem, e embora eu ache que a ideia do produtor deste filme seja o evangelismo, a história bíblica foi apresentada como arte. O filme abre uma excelente oportunidade para a evangelização e discussão sobre temas espirituais. Outros reclamam que o filme usa fantasia e tem alguns erros bíblicos, mas a verdade é que, por vezes, eu ouvi mais fantasia e erros bíblicos em pregações diretamente dos púlpitos, porém ninguém faz nada a respeito. Aproveite o filme”, incentivou Jesús Adrian Romero.

O filme “Noé” é descrito pelos críticos de cinema como um filme épico, repleto de efeitos especiais e com um elenco vencedor de Oscars. A estreia do longa-metragem no Brasil acontece no próximo dia 03 de março, numa quinta-feira.

 

Fonte: Gospel +

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s